Fernando Pasini iniciou-se nas artes, aos dezesseis anos, como aprendiz num ateliê de escultura em  madeira. Neste primeiro contato com a criação e execução artísticas foi descobrindo sua vocação, decidindo-se pelo  curso de arquitetura  por  considerá-lo abrangente quanto aos processos criativos e conceitos da história da arte.

Na arquitetura teve maior identificação com as disciplinas de plástica  e desenho de observação. Simultaneamente, interessou-se pelos processos artísticos começando a experimentar o aerógrafo, o bico de  pena, a tinta a óleo e outras técnicas que não constavam necessariamente no curso de arquitetura.

Trabalhando com arquitetura e design aprimorou técnicas variadas, passando a ter uma visão profissional mais híbrida. Nesta fase, conheceu e identificou-se com um livro do ilustrador Roger Dean, o qual foi o ponto inspirador para o seu  estilo de pintura.

No decorrer de sua carreira foi redescobrindo Tomie Ohtake e Manabu Mabe entre outros artistas, que em muito o incentivaram e influenciaram.

 

https://pt.wikipedia.org/wiki/Fernando_Pasini

https://www.facebook.com/estudiopasini

http://www.facebook.com/pages/Fernando-Pasini/171639506258139

 

CRIAÇÃO

O trabalho de Pasini, por seu talento e destaque, foi objeto de estudo e análise pela Professora de artes plásticas Thelma Luiza Fantini Nieto, que elaborou magnífica dissertação para obtenção do grau de mestra em Educação , Arte e História da Cultura pela Universidade  Presbiteriana Mackenzie, sob orientação do Prof. Dr. Norberto Stori, tese esta que se encontra na biblioteca da universidade “Mackenzie” e no atelier do artista.

Assim, para melhor compreensão do trabalho de Pasini destacamos alguns trechos desta tese:

“Em se tratando de uma dissertação documental sobre a pintura de Fernando Pasini, este item trata dos conceitos e de algumas experiências relevantes  do artista  sobre arte. Este é um item de grande valia  para este estudo, uma vez que muitos dos exemplos e  caminhos  trilhados  pelo  mesmo, poderão servir  de referência  para  aqueles  que pretendem ingressar na carreira das artes plásticas…

O  processo de criação inicia-se no grafite sobre o papel. Estudos lineares e programação de cores, definem os primeiros passos do desenho que será aplicado á tela.

Em  virtude da enorme experiência, Pasini escreve no papel os tons e matizes que serão aplicados. A ampliação é demorada e rigorosa. O artista procura não perder a relação de  proporção do estudo com o desenho ampliado.

O preparo das tintas é umas das partes mais racionais do trabalho de Pasini.Os tempos devem ser respeitados para a  aplicação das veladuras. Para   produzir um efeito semelhante ao aerógrafo utilizando somente pincéis as misturas e os procedimentos cronométricos têm  prioridade durante o processo de laboração das pinturas.

O contorno inicial das figuras não conta com auxílio de máscaras. Uma vez terminado o trabalho, as configurações resultantes parecem ter sido feitas com régua e compasso. Pode-se imaginar o rigor do traçado nessa fase de pintura…

Um detalhe interessante da técnica de Pasini é que o artista somente utiliza cores puras e as misturas que a tela apresenta surgem das veladuras aplicadas diretamente sobre a superfície pictórica.”

 

English version

Fernando Pasini’s iniciation in the arts began at age sixteen, as an apprentice in a wood sculpture workshop. In this first contact with the artistic creation and execution was the discovering his vocation, he decided the course of architecture because of its broad comprehension of the creative processes and concepts of art history.

In architecture he had a greater identification with the disciplines plastic arts and design of observation. Simultaneously, he became interested in artistic processes beginning to experience with airbrush, pen and ink, oil paint and other techniques that did not necessarily appear to the study of architecture.

Working with architecture and design enabled him with various techniques, he began to have a more hybrid professional view. At this stage, he knew and identified itself with a book illustrator Roger Dean, who was the inspiration for his painting style.
Created:

Pasini’s work, for his  prominence and talent, was the object of study and analysis by professor of fine arts Thelma Fantini Luisa Nieto, who produced a magnificent dissertation for the degree of Master in Education, Art and Cultural History from Mackenzie University. Under the guidance of Professor. Dr. Norberto Stori, this thesis is at the University library and at the artist’s studio.

Thus, to better understand the work of Pasini, here are some highlights from this thesis:

“In the case of a documentary essay about the painting of Fernando Pasini, this item deals with the concepts and some relevant experience of the artist on art. This is an item of great value to this study, since many of the examples and paths taken by him may serve as a reference for those wishing to enter the career of the arts.

The creation process begins in graphite on paper. Studies of linear programming and color define the first steps of the design that will be applied on the screen.

Because of his enormous experience, Pasini writes on paper the tones and hues that will be applied. The expansion is time consuming and rigorous. The artist tries not to lose the relationship between proportion and the design of the study extended.

The preparation of inks is one of the most rational of Pasini’s works. The times should be respected for the application of veiling. To produce an effect similar to airbrush using only brushes mixtures and chronometric procedures have priority during the working process of the paintings.

The initial contour of the figures does not count with the aid of masks. Once the work is finished, the resulting configurations appear to have been made with ruler and compass. One can imagine the rigidity of stroke in this phase of painting …
An interesting detail on Pasini’s technique is that the artist only used pure colors and blends that emerge from the screen presents veiling applied directly onto the pictorial surface